sexta-feira, 26 de março de 2010

Descendentes do Cel. Feliciano de Lyra Tavares

Após destacarmos a ascendência e os colaterais de Feliciano de Lyra Tavares, nos deteremos em sua descendência direta, composta dos filhos e netos. Convém destacar que os descendentes de Feliciano ora assinam Lyra Tavares, Tavares de Lyra, Tavares de Souza ou, simplesmente, Tavares.

Explica-se este fato tendo em vista quando do rompimento político do ministro Augusto Tavares de Lyra com o governador Joaquim Ferreira Chaves, muitos familiares do ministro foram perseguidos e, na tentativa de levarem uma vida normal, os descendentes de Macaíba agregaram o sobrenome Souza, proveniente do velho Eloy Castriciano de Souza padrinho e tutor de José Antônio de Lyra Tavares.

O Desembargador Luís Tavares de Lyra, desde os tempos de acadêmico de direito no Recife já assinava Tavares de Lyra. O senador João de Lyra Tavares nunca mudou o nome, contudo, teve que mudar de Estado saindo de Macaíba no Rio Grande do Norte e passando por Pernambuco e pela Paraíba, fixando-se definitivamente no Rio de Janeiro.

Os irmãos Inês e Feliciano Filho também saíram do Rio Grande do Norte, ela fixou residência em Pernambuco e ele no Rio de Janeiro. Os descendentes de ambos adotaram o Tavares de Lyra após a ascensão do tio ilustre.
Por fim, as três Marias – Adélia, Alice e Augusta continuaram com o Lyra Tavares.

Feliciano Pereira de Lyra Tavares foi casado em primeiras núpcias com sua sobrinha Maria da Silva, filha de seu irmão José Pessoa de Araújo Tavares e Rita Cândida Barbosa. Feliciano e Maria da Silva Tavares tiveram um único filho;

F.1 José Antônio de Lyra Tavares de Souza casou-se com a prima paterna Maria Pedroza Tavares de Souza, filha de Guilhermina Pedroza da Silva Tavares/Antônio Luís Pessoa de Araújo Tavares. São os pais de;

N.1 Cândida Maria Tavares;
N.2 Francisco de Sales Tavares de Souza;
N.3 Ana Tavares (Nana);
N.4 Paulo Tavares de Souza;
N.5 Porcina Tavares Ferreira;
N.6 Leonel Tavares de Souza;
N.7 Amália Tavares;
N.8 Maura Tavares;
N.9 Maria Joana Tavares;
N.10 João Paulo Tavares;
N.11 Júlio Tavares de Souza;
N.12 Silvino Tavares de Souza (meu bisavô materno).


Viúvo de sua primeira esposa, o coronel Feliciano de Lyra Tavares casou pela 2ª vez com Maria Rosalina de Albuquerque Vasconcelos, filha de João Batista de Albuquerque Vasconcelos e Inês da veiga Pessoa, e foram os pais de;

F.2 Dona Inês Pessoa de Lyra Tavares Alecrim, Casada com o Capitão Antônio da Costa Alecrim, filho do Capitão Antônio da Costa Alecrim/Justiniana Augusta Pessoa da Costa Alecrim.
N.13 Ernesto da Costa Alecrim;
N.14 Maria da Costa Alecrim;
N.15 Dr. Olívio da Costa Alecrim;
N.16 Augusto da Costa Alecrim;
N.17 Mário da Costa Alecrim;
N.18 Dr. Luiz da Costa Alecrim;
N.19 Ramiro da Costa Alecrim;
N.20 Ana da Costa Alecrim Saraiva;
N.21 Clarisse da Costa Alecrim Tavares;

F.3 Coronel João de Lyra Tavares, (patrono dos contabilistas e senador da republica), casado com a prima paterna Rosa Amélia da Silva Tavares, filha de Francisco Tavares Pessoa de Araújo/Maria Militina da Silva Tavares.

N.22 Ambrosina Laura de Lyra Tavares, religiosa;
N.23 Laura Dulce de Lyra Tavares, religiosa;
N.24 Leonel de Lyra Tavares;
N.25 Maria Rosa de Lyra Tavares, religiosa;
N.26 Paulo de Lyra Tavares;
N.27 Roberto de Lyra Tavares;
N.28 Fernando de Lyra Tavares;
N.29 Aurélio de Lyra Tavares;
N.30 João de Lyra Tavares Filho;
N.31 João Carlos de Lyra Tavares;
N.32 João Ricardo de Lyra Tavares;
N.33 João Renato de Lyra Tavares.

F.4 Dr. Augusto Tavares de Lyra, casou com Sophia Eugênia de Albuquerque Maranhão, filha de Pedro Velho/Petronila Florinda.

N.34 Sophia Augusta de Lyra Tavares;
N.35 Augusto Tavares de Lyra Filho;
N.36 Cora Tavares de Lyra, falecida infante;
N.37 Cora Tavares de Lyra, religiosa de Notre Dame de Sion;
N.38 Pedro Velho Tavares de Lyra;
N.39 Carlos Tavares de Lyra;
N.40 Carmem Maria Tavares de Lyra, religiosa de Notre Dame de Sion.

F.5 Cel. Feliciano Pereira de Lyra Tavares Filho, casado com a prima paterna Júlia Leopoldina Pereira de Vasconcelos, filha de João Avelino Pereira de Vasconcelos/Maria Olímpia de Vasconcelos.

N.41 José de Lyra Tavares;
N.42 Luis de Lyra Tavares;
N.43 Luis Adelino de Lyra Tavares;
N.44 Luis Arlindo Tavares de Lyra;
N.45 Luiza de Lyra Tavares.

F.6 Dr. Luiz Tavares de Lyra, casado com Alice China Tavares de Lyra, filha do Dr. Antônio China/Maria China.

F.7 Maria Augusta de Lyra Tavares - Dondon. (solteira)

F.8 Maria Alice de Lyra Tavares. (solteira)

F.9 Maria Adélia de Lyra Tavares. (solteira)

6 comentários:

  1. Bom dia Anderson!

    Achei seu blog através de uma pesquisa que estou começando a algum tempo a fazer, estou estudando a genealogia da família Dantas a qual eu faço parte, estou começando a fazer uma arvore genealógica, mas como sou muito novo no assunto e num tenho muita informação, gostaria de uma ajuda sua pra encontrar estas informações, estou a procura de livros, artigos na internet, publicações, pesquisas e etc.

    Desde já meu muito obrigado


    Jair Dantas

    Email genealogiadantasslpb@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Anderson estou fazendo uma pesquisa sobre a descendencia do meu avô Jose Tavares de Lira da cidade de Sao Bento do Una-PE gostaria de saber se vc tem alguma informão que possa me ajudar.

    alinecosta_rocha@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá anderson , parabéns pela pesquisa . Amigo minha bisa chamava-se stephania lyra de oliveira nasceu no final do seculo 19 foi casada com heraclito sales de oliveira tinham terras em utinga até o inicio do seculo 20 gostaria se possivel saber se ela tinha parentesco com tavares de lira .
    prof.domingosoliveira@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Olá boa noite estou pesquisando sobre minha família pois, precisava saber de ambrosina laura de lyra, favor me mande no e-mail
    ericosalles@gmail.com obrigada

    ResponderExcluir
  5. Eu descendo dos Pereira de Lyra que migraram de Nazaré da Mata para Timbaúba, ambas em Pernambuco. Um dos filhos de Antônio Luiz Pereira de Lyra, o Urbano Barbosa da Silva Pereira casou Cândida de Jesus de Azeredo Coutinho. Eles são os avós de meu avô materno Urbano Barboza da Silva Lyra, pai de minha mãe Maria Barboza de Lira Cavalcanti. A família Lyra (grafia mais antiga)e Lira (para os mais novos) espalhou-se por quase todo o país, principalmente nos Estados do Nordeste, como Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte e quem sabe se essa gente toda não tem parentesco.

    ResponderExcluir
  6. Olá, meu Osbrenome é Feliciano, moramos na PB, e tudo que sabemos do nosso sobrenome é que vieram de PE, queria saber se os Felicianos são de PE e se temos algum parentesco.

    ResponderExcluir