segunda-feira, 13 de junho de 2016

Troncos da família Medeiros do Seridó

Esta é a família Medeiros advinda dos Irmãos Rodrigo de Medeiros Rocha e Sebastião de Medeiros Matos na Freguesia de São Pedro da Ribeira Seca, Conselho da Ribeira Grande, Ilha de São Miguel, Região dos Açores, Portugal. Filhos do casal Manoel de Matos e de Maria de Medeiros Pimentel:

              F.1  Maria Frias de Medeiros,  nascida em 1696 e faleceu em 28 de fevereiro de 1722, com 25 anos de idade, batizada em 21 de outubro de 1696 pelo Pe. João de Souza Freire, e o padrinho de batismo foi  o tio paterno Rodrigo de Matos Filho.

         Maria Frias de Medeiros contraiu matrimônio em 25 de junho de 1719, com Manuel de Souza Vieira Moreira, filho de Inácio Moreira e Bárbara Francisca Ferreira, e o celebrante foi o Cura Pe. Domingos de Souza Âmbar,  e as testemunhas Pe. João de Souza Freire e Francisco de Frias Machado.

         F.2 Josefa Maria de Frias, batizada em 16 de fevereiro de 1698 pelo Pe. Manoel de Carvalho, sendo padrinho foi o tio paterno Rodrigo de Matos.

          Josefa Maria de Frias contraiu matrimônio aos 18 de julho de 1726, em São Pedro da Ribeira Seca com o Alferes Manuel de Melo Cabral, filho de João de Almeida Mascarenhas e Maria de Melo Cabral, o celebrante foi Padre Manoel da Costa, e as testemunhas José de Arruda e o Pe. Manoel de Medeiros Ponte.

          F.3 Manoel de Medeiros, nascido em 04 de novembro de 1699, foi batizado aos 09 de novembro de 1699, pelo Pe. Manoel de Carvalho, sendo padrinho de batismo o Feitor Francisco Cordeiro da Mota.

          F.4 Belchior Manoel, nascido em 26 de março de 1701, na Freguesia de São Pedro da Ribeira Seca, foi batizado aos 29 de março de 1701, pelo Padre Manoel de Carvalho, e o padrinho de batismo foi Francisco Cordeiro da Mota, e as testemunhas foram o Pe. Jerônimo da Rocha e João de Arruda.

           F.5 Bartolomeu de Frias, nascido em 09 de setembro de 1702, batizado aos 17 de setembro de 1702, e o padrinho foi Manoel de Frias Pereira.

           F.6 Antônio de Frias, nascido em 04 fevereiro 1704, batizado a 09 de fevereiro de 1704 pelo Pe. Manoel Cabral, e o padrinho foi Antônio Brum da Silveira.

           F.7 Ana do Espírito Santo, nascida em 01 de junho de 1705, batizada aos 06 de junho de 1705, e o padrinho foi o Capitão Antônio Brum da Silveira, e testemunhas do batizado foram Bartolomeu de Frias (avô materno) e seu filho Francisco de Frias Machado.

           Ana do Espírito Santo casou aos 18 de maio de 1736, com Bernardo de Souza Moreira, filho de Inácio Moreira de Souza e de Bárbara Ferreira, sendo celebrante o Pe. Manoel de Souza Pacheco, e as testemunhas Inácio Cordeiro de Sampaio e Manoel de Souza Moreira.

           F.8 Antônio de Medeiros, nascido em 17 de janeiro de 1707, batizado aos 23 de janeiro de 1707, foi padrinho Manoel de Frias Pereira.

           Antônio Medeiros casou aos 05 de março de 1735, na Freguesia do Divino Espírito Santo da Maia com Francisca de Rezende, filha de Domingos Bulhões de Melo e Maria Francisca de Rezende, sendo celebrante o Pe. Manoel da Ponte, e as testemunhas Belchior Manoel e Manoel de Medeiros Macedo.

          F.9 Rodrigo de Medeiros Rocha,  nascido em 21 de janeiro 1709, batizado em 26 de janeiro de 1709 pelo Pe. João de Souza Freire, sendo padrinhos Manoel de Frias Pereira, e as testemunhas do batismo foram João da Silva e Antônio da Silva.

          Rodrigo de Medeiros Rocha veio para o Brasil, onde casou por volta de 1738, com Apolônia Barbosa, filha de Manoel Fernandes Freire e Antônia de Morais Valcácer, (1ª do nome).
                               
          F.10  Francisco de Medeiros, nascido em 30 de setembro de 1710, batizado em 12 de outubro de 1710, o padrinho foi Antônio Brum da Silveira.

         Francisco de Medeiros casou a 08 de agosto de 1736, em São Miguel de Vila Franca do Campo com Antônia Francisca de Medeiros, filha de Antônio Jácome Raposo e Maria Pacheco Muniz, foi celebrante o Pe. Adriano de Paiva de Medeiros, e as testemunhas Pe. Francisco Pereira Couto e Antônio Muniz Furtado de Medeiros.

          F.11 Francisca Margarida, nascida em 14 de julho de 1712, batizada a 18 de julho de 1712, sendo padrinhos foram Manoel Pacheco Botelho (casado com Maria de Arruda) e Maria Madalena (esposa de Francisco de Matos da Costa).

          Francisca Margarida contraiu matrimônio aos 20 de julho de 1735, com João de Melo, filho de Domingos de Melo e Maria Francisca de Rezende, sendo celebrante o Pe. Manoel Pacheco de Melo, e as testemunhas foram Manoel de Medeiros e Belchior Manoel.

          F.12 Sebastião de Medeiros Matos, nascido em 19 de janeiro de 1716, batizado em 30 de janeiro de 1716 pelo Pe. Domingos de Souza Ambar na Freguesia de São Pedro da Ribeira Seca, Conselho da Ribeira Grande, Ilha de São Miguel, e o padrinho de batismo foi o Pe. João de Souza Freire, e as testemunhas do batismo foram João da Silva e o Sacristão Manoel Rodrigues.

          Sebastião de Medeiros Matos veio para o Brasil e casou provavelmente por volta de 1738 com Antônia de Morais Valcácer, (2ª do nome), nascida provavelmente em 1720, filha de Manoel Fernandes Freire e de Antônia de Morais Valcácer, (1ª do nome).

Obs: O português Sebastião de Medeiros Matos e sua esposa Antônia de Morais Valcácer são os trisavós maternos do Conselheiro Luís Gonzaga de Brito Guerra, o Barão do Açú.

          F.13 Antônia Maria de Medeiros, nascida em 16 de novembro de 1718, batizada a 21 de novembro de 1718, tendo por padrinho o Pe. Antônio Furtado de Mendonça, casada em 07 de dezembro de 1737 na Freguesia de São Pedro da Ribeira Seca com Francisco Ferreira, nascido em 03 de março de 1710, filho legítimo de Inácio Moreira e Bárbara Francisca Ferreira, o celebrante foi José do Amaral, e as testemunhas Pe. Sebastião Cordeiro e Manoel Dias.

          F.14 Bernardo de Medeiros, nascido em 20 de setembro de 1720, batizado aos 26 de setembro de 1720, sendo padrinho o Pe. Antônio Furtado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário